Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp

Husky Siberiano

Tudo o que você precisa saber sobre a raça Husky Siberiano

Como que escreve mesmo? Rask Siberiano? Husk Siberiano? Husky Siberiano? 

O nome correto desse cachorríneo é Husk, mas lê-se “Rãsqui”. O nome já sugere sua origem, né? Eles vieram da Sibéria, há cerca de 2000 anos. São conhecidos por suportar baixas temperaturas e terem um grande desempenho na neve. 

Vamos te explicar como cuidar dessa raça de cachorros, com muito amor e carinho.

Quais os cuidados que devo ter com um cachorro Husky Siberiano?

O cachorro Rusky não é muito feliz em ambientes muito pequenos, e nem em áreas muito quentes. Isso se explica por dois motivos, o primeiro é que ele precisa de espaço para se exercitar, porque tem uma grande carga de energia e se acumuladas, pode desenvolver ansiedade. O ideal é fazer um passeio, com corrida, brincadeiras e atividades divertidas por cerca de uma hora diária. E o segundo motivo é que, como vocês leram acima, o cachorro Siberiano é grande amigo do frio, vem de suas origens e, por isso, evite passear ao sol do meio dia. Procure horários antes das 10h00 e depois das 16h00. Isso é um conselho que serve para qualquer cachorro, lembre-se que não é natural usar sapatos nas patinhas, e o chão muito quente pode queimar e machucar. 

Vacinas para Husky Siberiano

Como as demais raças, o Husky Siberiano filhote, deve receber, a partir dos 45 dias de vida as vacinas. Inicia-se com a vacina V8 ou vacina V10, separada em 3 doses, que devem ser aplicadas em até 4 semanas. Depois, a vacina antirrábica (raiva), em uma única dose, por volta das 12 semanas.

Quando adulto, é necessário um reforço anual das vacinas V10, Antirrábica, Gripe Canina e Giárgia.

Vacine seu pet de acordo com as recomendações veterinárias para prolongar sua expectativa de vida, que pode chegar até os 15 anos. 

Após as vacinas, recomendamos uma dose extra de cafuné e petiscos.

Cuidados específicos com a saúde da raça

Os Huskys não estão no topo das raças com mais predisposições para doenças,

Entretanto, ainda sofrem, esporadicamente, com algumas doenças. Entre elas, a displasia coxofemoral, que é um desencaixe do quadril, por isso, não force o cãozinho a fazer mais esforço do que ele está habituado, evite pisos escorregadios e que suba em escadas muito íngrimes. 

Outra comum, é relacionada aos olhos característicos dos Huskys, que podem causar cataratas, glaucoma e outras doenças. Fique de olho, qualquer desconforto, consulte o veterinário.

Não esqueça das visitas recorrentes dos veterinários. Utilize o app da Vets e agende atendimento domiciliar para consultas e vacinas, desta forma, você não precisa expor seu melhor amigo a outros pets doentes, nem mudar sua agenda para se deslocar até uma clínica veterinária.

Temperamento característico da raça Husky Siberiano

O Husky é um cão dócil e amável, mas pouco obediente, por isso, sempre considere um treinamento adequado, desde filhote, para impor limites e fazê-lo compreender as regras da casa. 

Além disso, pode se dar muito bem com crianças e outros pets, mas para que isso aconteça, lembre-se de socializar com ele desde pequenininho, para que se acostume com outros aumigos.

Característica do Cachorro Husky

Olhos azuis, ou castanhos bem claros, cara de mau, galanteador e muuuito peludo, o Siberiano, que pode chegar fácil aos 60 cm de altura e pesar uns 30 kgs

Graças a sua pelagem dupla, suporta até -30 graus (UAU!) e gosta muito de uivar. 

Ainda sobre a pelagem, existem diversas combinações de cores, o mais comum é o Husky Siberiano branco com cinza, ou branco puro, mas as combinações podem chegar até a cor vermelha. 

Custo médio de veterinário com a Vets

Consultas: a partir de R$ 90,00

Vacinas anuais: a partir de R$240,00 (as quatro vacinas recomendadas)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inscreva-se para receber a News

Principais matérias

Baixe o App

Instagram da Vets